Vídeos


“O que realmente mudou depois do 11 de Setembro?”

A segui uma formação com o Pe. Paulo Ricardo bem esclarecedora sobre os atentados de 11 de setembro

Depois de ouvir esse vídeo, cole e envie esse link, para seus amigos, envie para os sacerdotes e bispos católicos, e oremos por nossos sacerdotes.

http://reporterdecristo.com/pe-paulo-ricardo-padres-convertam-se

Pe. Paulo Ricardo, Deus vos abençoe por amar tanto a Igreja e desejar salvar as almas dos pobres pecadores.

Obrigado pelo exemplo de não ter medo de ser perseguido, nem de morrer no Nome de Jesus Cristo, nós também não. Conte conosco.

Estamos orando pelo senhor e pedindo a Deus que Ele suscite mais sacerdotes verdadeiros, sacerdotes que não tenham outro interesse que não seja a maior gloria de Deus.

Deus vos encha de mais coragem para enfrentar essa batalha contra os demônios de carne, como diz Sta. Catarina de Senna.

Muitos padres e bispos pensam como o senhor, somente ainda não tiveram coragem de se manifestar, mas isso acontecerá, Deus lhes dará coragem, se os padres e bispos corajosos como o senhor continuar tomando a dianteira.

Avante!!!

Pe. Paulo Ricardo: Padres, Convertam-se!

É o Senhor liberal com todas as suas criaturas, mas nunca com os ingratos.

A ingratidão, diz S. Bernardo, faz estancar a fonte da bondade divina.

Por isso S. Jerônimo pôde dizer: Nenhuma besta há no mundo mais feroz que um mau padre, porque esse não se quer deixar corrigir.

O autor da Obra imperfeita: Os leigos facilmente se emendam, mas um mau eclesiástico é incorrigível.

Segundo S. Damião, é de preferência aos padres pecadores que se aplicam estas palavras do Apóstolo: Porque os que foram alumiados, os que saborearam o dom celeste, e receberam o Espírito Santo… depois caíram, é impossível que se renovem pela penitência.

Com efeito, quem mais que o padre recebeu de Deus graças abundantes? Quem mais do que ele gozou dos favores do Céu e participou dos dons do Espírito Santo?

Segundo Sto. Tomás, permaneceram obstinados no pecado os anjos rebeldes, porque pecaram em face da luz; é assim, escreve S. Bernardo, que o padre será tratado por Deus: tornado anjo do Senhor, ou há de ser eleito como anjo, ou réprobo como o anjo.

Eis o que o Senhor revelou a Sta. Brígida: Olho os pagãos e os judeus, mas não vejo ninguém pior que os padres: o seu pecado é como o que precipitou Lúcifer.

E notemos aqui o que diz Inocêncio III: Muitas coisas que nos leigos são pecados veniais, nos eclesiásticos são mortais.

É ainda aos padres que se aplicam estas palavras de S. Paulo: Uma terra, que, depois de muito regada pelas chuvas, só produz espinhos e silvas, está reprovada e sujeita a maldição: acabará por ser entregue ao fogo.

Que chuva de graças não recebe de Deus continuamente o padre? E contudo,em vez de frutos, só produz silvas e espinhos: Desgraçado! Está prestes a ser reprovado e a receber a maldição final, para ir, depois de tantas graças, que Deus lhe prodigalizou, arder no fogo do inferno!

  • Mas, que temor pode ter ainda do fogo do inferno um padre, que voltou as costas a Deus? Os padres que pecam perdem a luz, como levamos dito, e perdem também o temor de Deus.

É o Senhor quem no-lo declara: Se eu sou o Senhor, onde está o meu temor, vos diz o Senhor, a vós, ó padres, que desprezais o meu nome?.

Segundo S. Bernardo, os sacerdotes, caindo da altura a que se acham elevados, de tal modo se afundam na malícia, que perdem a lembrança de Deus, e tornam-se surdos a todas as ameaças da justiça divina, a tal ponto que nem o perigo da sua condenação os espanta.

Mas que haverá nisso de admirável? O padre, pecando, cai no fundo do abismo, onde fica privada da luz e despreza tudo. Acontece então o que diz o Sábio: Caído no fundo do abismo do pecado, o ímpio despreza.

Este ímpio é o padre que peca por malícia; um só pecado mortal o precipita no fundo das misérias, em que cegamente permanece mergulhado.

Nesse estado despreza tudo: castigos, advertências, presença de Jesus Cristo, a quem toca no altar. Não córa de se tornar pior que o traidor Judas, como o próprio Senhor um dia disse a Sta. Brígida:

Tais padres já não são sacerdotes meus, mas verdadeiros traidores.

Sim, tais padres são verdadeiros traidores, porque abusam da celebração da Missa, para ultrajarem mais cruelmente a Jesus Cristo pelo sacrílego!

E qual será, depois de tudo, o triste fim do padre mau?

Ei-lo: Praticou a iniqüidade na terra dos santos, não verá a glória do Senhor.

Será, numa palavra, o abandono de Deus, e depois o inferno.

  • Mas, dirá alguém, essa linguagem é demasiado aterradora: quereis lançar-nos da desesperação?
  • Respondo com Sto. Agostinho: Se vos espanto, “é que eu próprio estou espantado”.
  • Assim, dirá um padre, que tiver tido a desgraça de ofender a Deus no sacerdócio, não haverá para mim esperança de perdão?
  • Ó, não posso afirmar isso; haverá esperanças, desde que haja arrependimento do mal cometido. Que esse padre seja pois extremamente reconhecido para com o Senhor, se ainda se vê ajudado da graça; mas é preciso que se apresse a dar-se a Deus, enquanto o chama, conforme o aviso de Sto. Agostinho: “Abramos os ouvidos à voz de Deus, enquanto nos chama, com receio de que se recuse a ouvir-nos, quando estiver prestes a julgar-nos”.

Para aqueles que dizem que o Brasil só cresceu com o governo Lula e só tem a melhorar…

Não se engane…

Dilma+Lula+MST= Um Futuro de Desgraças para o Brasil!

A seguir videos que denunciam a corrupção do Partido dos Trabalhadores e seu envolvimento com o MST. 

LULA AMEAÇA BORIS CASOY

É costume dos comunistas ameaçar e vingar-se quando estiver do poder total.

Foi assim com Stalin, Fidel Castro, Ivo Morales, Ugo Chaves, etc, etc.

Aqui Lula ameaça Casoy que se apavora, pois sabe que comunista é capaz de…

NÃO VOTE DILMA PIOR DO QUE TÁ FICA!

#DilmaNão

“Os Fatos estão ai, você realmente colocará no poder uma pessoa assim? Reflita…”

Carta sobre aborto é ‘documento oficial’, diz diocese de Guarulhos

Bispo de Guarulhos,Dom Luiz Gonzaga Bergonzini.

Conteúdo da carta foi aprovado pela CNBB-Regional Sul-1.
Diocese da cidade pediu a revogação de liminar que apreendeu material.

A diocese de Guarulhos garantiu, em entrevista coletiva neste sábado (23), que o conteúdo do material impresso em gráfica no bairro do Cambuci, em São Paulo, pedindo que fiéis não votem na candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, é verdadeiro e documento oficial da Igreja, reconhecido pela regional Sul-1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O material impresso traz mensagem contrária ao aborto e foi distribuído pelo bispo de Guarulhos, Dom Luiz Gonzaga Bergonzini.

O bispo ganhou notoriedade nestas eleições ao pedir aos fieis que não votem em Dilma Rousseff. Nesta quinta-feira (21), ele recebeu apoio da CNBB. Dom Geraldo Lyrio Rocha, presidente da entidade, afirmou que a ação do bispo de Guarulhos está “dentro da normalidade”.

Segundo a diocese de Guarulhos, o texto do material impresso foi elaborado durante assembleia geral da Regional Sul-1, realizada em 03 de julho, que contou com a presença de 57 pessoas, entre bispos e leigos. Entre os presentes, estavam o bispo Dom Nelson Westrupp, um dos que assinam a carta “Apelo a todos os brasileiros e brasileiras”, que contém a recomendação para evitar o voto na candidata do PT à presidência nacional.

“São 45 dias para sair este documento, não tem como ser apócrifo”, afirmou João Carlos Biagini, advogado da diocese e um dos que assinam o pedido de revogação da liminar obtida pela candidatura de Dilma Rousseff, que permitiu à Polícia Federal apreender o material impresso na gráfica Pana, na zona sul da capital paulista.

Segundo o texto do pedido de revogação da liminar, a própria CNBB-Regional Sul-1 contratou a impressão de 100 milheiros, no formato A-4, na empresa Artes Gráficas Prática Ltda-ME. O serviço de impressão, no formato de panfleto, foi feito na gráfica Pana em função do “preço e capacidade para executar o serviço”. A diocese ainda destacou que o mesmo local já fora utilizado pelo PT.

Ao todo, foram 2,1 milhões de panfletos impressos. A decisão pela apreensão foi baseada na falsidade do documento e na suposta existência de crime eleitoral e foi feita pelo ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Henrique Neves da Silva. “[A decisão] é uma violência à Igreja, a mim e à gráfica”, disse Dom Luiz Gonzaga Bergonzini. Ele também afirmou que continuará a lutar contra medidas pró-aborto, mesmo no caso de Dilma ser eleita.

Bergonzini negou apoio a qualquer candidato, mas disse que tem o direito de desaconselhar o voto a quem defenda o aborto. “Não acredito em partido político algum. Sou político, mas não sou partidário”, afirmou o bispo. “O PT aceita o aborto até o 9º mês de gravidez. Tenho o direito como cidadão e o dever como bispo de alertar contra isso.”

A diocese de Guarulhos conta com uma população de 1,3 milhão de habitantes, ficando atrás apenas de bairros da capital como São Miguel Paulista, com 2,5 milhões de pessoas.

Fonte: G1 – Globo

DOM BENI REAFIRMA SUA POSIÇÃO E DIZ QUE DOCUMENTO É LEGÍTIMO E DEVE SER AMPLAMENTE DISTRIBUÍDO

ATENÇÃO SENHORES BISPOS, PADRES E LEIGOS DE NOSSA IGREJA QUE CONTINUAM CALADOS DIANTE DESSA PRESSÃO DA DITADURA DO PT, CUIDAI PARA QUE ESSA PALAVRA NÃO CAI SOBRE VÓS:

“Não temais aqueles que matam o corpo, mas não podem matar a alma; temei antes aquele que pode precipitar a alma e o corpo na geena”. (Mt 10,28)

Temei a Deus e não a homens, pois eles nada podem fazer além de matar o corpo… Antes temei a Deus para que você mesmo não seja o assassino de sua alma, condenando-a ao inferno por uma postura de omissão. Deixar de fazer um bem já é um mal!

Este áudio, com legendas, imagem e som de melhor qualidade do que o anterior, postado neste canal em 06/10/2010, mostra o Padre LEO TARCÍSIO GONÇALVES PEREIRA, falecido em 2007, da Comunidade CANÇÃO NOVA, denunciando aos Católicos do BRASIL, durante uma homília, que o ex-Ministro do Planejamento e ex-Ministro da Saúde JOSÉ SERRA no Governo do ex-Presidente FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, assinou portaria regulamentando o aborto no BRASIL.
A regulamentação do aborto no BRASIL foi feita com base no PLS – Projeto de Lei do Senado número 78, de 1993, de autoria da Senadora EVA BLAY (PSDB).

Luriam, a filha que Lula quis abortar

Há 21 anos o Brasil assistiu ao bombástico depoimento de Miriam Cordeiro, ex-namorada do presidente Lula, à época candidato. O episódio foi passado no horário eleitoral gratuito do então candidato Fernando Collor de Melo. No depoimento Miriam fala abertamente que não apoiaria Lula, Jamais. Os motivos: Quando grávida da filha Luriam, na década de 70, recebera de Lula dinheiro para abortar a gravidez.

No vídeo, Miriam Cordeiro abre o jogo e critica, inclusive, católicos que na época promoviam a campanha do ex-metalúrgico. Vale ressaltar que a teologia da libertação era forte no período e alguns clérigos, desviando-se do ensinamento da igreja, empreenderam uma política partidária. Ainda no mesmo vídeo Miriam declarou que Lula era racista.

LULA, NÃO CONSEGUIU MATAR A PRÓPRIA FILHA, AGORA TENTA MATAR OS FILHOS ALHEIOS COM A DESCRIMINALIZAÇÃO DO ABORTO NO BRASIL!!!

Irmãos, o atual Governo Brasileiro, esta introduzindo em nosso país um processo de destruição da fé, onde desde a educação nas escolas públicas e municipais estão voltadas para esse processo.

Essa matéria tem o intuito de formar a mente de cada cidadão brasileiro, e acima de tudo informar do grande mal que acontecerá se a candidata Dilma Rousseff assumir o governo do Brasil na disputa do segundo turno.

Consciente disso, espero que vejam este vídeo com calma e reflitam no que já esta acontecendo no governo Lula e irá se agravar com a vitória de Dilma Rousseff.

Vote em favor da vida diga não a Dilma! Não ao PT!

Próxima Página »